PT

Peugeot 306

Peugeot 306 é um carro compacto, construído na França pela construtora Peugeot, de 1993 a 2002 substituindo o Peugeot 309. A Peugeot introduziu no 306 muitas melhorias e actualizações, bem como uma estética modificada para competir com os seus adversários, mas foi substituído pelo Peugeot 307 em 2001. As versões “Cabriolet” e “Break” persistiram até 2002.

Peugeot 306
Peugeot 306
Visão Geral
Produção 19932002
Fabricante Peugeot, Grupo PSA
Modelo
Classe Medio
Carroceria Hatch 3 portas
Hatch 5 portas
Sedan
Break
Cabriolet
Ficha técnica
Motor 1.6 8v 90cv
1.8 8V 103cv
1.8 16V 112cv
2.0 8V 123 cv
2.0 16V 155 cv
2.0 16v 167 cv
Transmissão Automático de 4 Velocidades
Manual de 5 Velocidades
Manual de 6 Velocidades (GTI6)
Layout Pininfarina
Modelos relacionados Citroën ZX
Citroën Xsara
Ford Escort
Opel Astra
Renault 19
Renault Mégane
Volkswagen Golf
Dimensões
Comprimento 4m (hatch)
4,3m (sedan e break)
Peso 1100 a 1400 Kg
Consumo média de 9 a 11 km/l na cidade e 12 a 15 na estrada (2.0 16V a 1.6 8V)
Cronologia
Peugeot 309
Peugeot 305
Peugeot 307

. . . Peugeot 306 . . .

O 306 foi desenvolvido entre 1990 e 1992, ficando pronto no ano de 1993. Foi desenhado para ser uma substituição do Peugeot 309.

Mecanicamente, o 306 é praticamente idêntico ao Citroën ZX, que foi introduzido no mercado dois anos antes do 306: ambos usam o mesmo chassis. O 306, com seu estilo Pininfarina derivado do Peugeot 205, fez muito mais sucesso que o seu congenere da Citroën. O Citroën Berlingo e o Peugeot Partner foram também construídos na mesma plataforma. O chassis utilizado no 306 e no ZX foi também aproveitado no sucessor do ZX, o Citroën Xsara. A partilha das plataformas entre Peugeot e Citroën decorre do facto da empresa mãe da Peugeot, a PSA Peugeot Citroën no final da década de 1970, ter tomado conta da falida Citroën, no despertar da crise do petróleo em 1974. O primeiro carro após a união foi o Peugeot 104, baseado no Citroën Visa e Citroën LNA. Esta política de partilha de plataformas continua hoje em dia com o Peugeot 107, Citroën C1 e o Toyota Aygo.

Peugeot 306 3 portas
  • Produção: 1993–1997
  • Motorização: Gasolina
    • 1.1L 8V 60PS I4
    • 1.4L 8V 75PS I4
    • 1.6L 8V 90PS I4
    • 1.8L 8V 103PS I4
    • 2.0L 8V 123PS I4 XSi
    • 2.0L 16V 157PS I4 S16
    • 2.0L 16V 167PS I4 GTi-6
  • Motorização: Diesel
    • 1.8L 8V 45PS I4
    • 1.9L 8V 71PS I4
    • 1.9L 8V 90PS Turbo I4
    • 1.9L 8V 92PS Turbo I4

O 306 foi lançado em Março de 1993 como um Hatchback de 3 e 5 portas, com modelos Sedan, Cabriolet e Break sendo lançados posteriormente. A versão Break ficou conhecida como SW, de “Station Wagon”. O modelo desta primeira fase ficou conhecido como N3 na Austrália, e foi introduzido em 1994.

Uma enorme gama de tipos e modelos foram oferecidos durante esta primeira fase, incluindo Genoa, XSS, X, XT, XRdt e Xd. Mais tarde, foram adicionados vários modelos de “performance” modificada, como o S16, XSi e o GTI-6 (gasolina) e o D-Turbo S (diesel).

Todas as variantes do 306, com exceção dos modelos GTI-6 e cabriolet, tinham preços bem competitivos.

Os primeiros motores a gasolina utilizados, possuíam 4 cilindros, o que alcançou uma sólida reputação em relação aos modelos da Peugeot mais antigos, como o Peugeot 205, 309 e o Peugeot 405. A princípio, todos os modelos principais foram equipados com motores da série “TU” de 8 válvulas, contando com cilindradas variando entre 1.1, 1.4 e 1.6 litros. O 1.1 foi de curta duração, saindo de linha pouco após o início de produção, mas o 1.4 e particularmente o 1.6 se adaptaram muito bem; este último oferecendo uma boa relação entre performance e economia.[1]

Três versões de maior cilindrada foram disponibilizadas, mas restritas aos modelos Automáticos e de alta Performance. Estes motores foram desenvolvimentos do modelo da série XU, o qual foi utilizado nos modelos 205 GTi 1.9, e nos modelos maiores do 405. Uma versão de 1.8 litros foi também utilizada em ambos os modelos de transmissão manual e automática (não foram produzidos muitos carros 1.8 com transmissão manual); enquanto duas versões da versão do motor de 2.0 litros com 8 ou 16 válvulas, foram usados nos modelos XSi e S16 respectivamente. Na Austrália, os únicos modelos disponíveis foram os 1.8 e 2.0L.

. . . Peugeot 306 . . .

Este artigo foi publicado a partir do site Wikipedia. O artigo original pode ser um pouco reduzido ou modificado. Alguns links podem ter sido modificados. O texto está licenciado sob “Creative Commons – Atribuição – Compartilhamento” [1] e parte do texto também pode ser licenciado sob os termos da “GNU Free Documentation License” [2]. Termos adicionais podem ser aplicados aos arquivos de mídia. Ao usar este site, você concorda com nossas páginas jurídicas. Links da Web: [1] [2]

. . . Peugeot 306 . . .

Back To Top