PT

Thee Temple ov Psychick Youth

Thee Temple ov Psychick Youth ou TOPY é uma irmandade fundada em 1981[1] por membros da Psychic TV (incluindo membros posteriores da banda Coil e o grupo de música experimentalCurrent 93) e vários outros indivíduos[2]. A rede é um grupo frouxamente federado de pessoas operando como uma mistura de coletivos artísticos e praticantes de magia.

. . . Thee Temple ov Psychick Youth . . .

Sua rede inicial consistia de várias estações em todo o mundo[3], incluindo a TOPY-CHAOS para a Austrália, TOPYNA para a América do Norte e TOPY Station 23 para o Reino Unido e Europa. Subestações de nível mais baixo, de “base popular”, denominadas Pontos de Acesso, estavam localizadas em toda a América e Europa.[4]

Ao longo de sua existência, TOPY tem sido um grupo influente na cena undergrownd da magia do caos[5] e mais amplamente na tradição oculta ocidental.[6]

TOPY dedica-se à manifestação de conceitos mágicos sem misticismo ou adoração de deuses. O grupo concentra-se nos aspectos psíquicos e mágicos do cérebro humano ligados à “sexualidade sem culpa”. A pesquisa de TOPY cobriu a magia ritual da mão esquerda e da mão direita e elementos da psicologia , arte e música. Brion Gysin , a Igreja Processual do Julgamento Final , William S. Burroughs , Aleister Crowley e Austin Osman Spare destacam-se como grandes influências.

Na 23ª hora (11:00 pm) do 23º dia de cada mês, os membros da TOPY foram encorajados a fazer sigilos mágicos[7]. Se um indivíduo escolhesse fazê-lo, eles seriam convidados a enviar seus sigilos para um local central, onde a energia mágica poderia ser usada para melhorar os outros.[5]

O motivo do uso do termo na Lingua Shelta“TOPY”, como a ortografia de “thee” e “ov” no nome da rede, deriva dos escritos de Genesis P-Orridge, que defendem uma desconstrução do “normal” ou do modo de comunicação consensual, a fim de alcançar uma compreensão mais integrada do você mesmo.

No início da década de 1990, ocorreu uma “cisão” dentro da rede quando Genesis P-Orridge da Psychic TV , um dos poucos membros fundadores ainda envolvidos naquela época, e provavelmente a face pública mais famosa de TOPY durante os anos 80, acabou por anunciar a sua saída da organização. Isso foi posteriormente exacerbado com o Genesis P-Orridge, que alegou ter fechado a rede ao sair e solicitar que o grupo não usasse mais a marca registrada de Psychick Cross. Alguns dos membros restantes da rede escolheram não ir junto com este e continuaram com suas atividades. TOPY continuou a crescer e evoluir ao longo da década de 1990 e no século 21, enquanto Genesis P-Orridge mudou-se para outros projetos, como coletivo The Process, bem como um projeto semelhante ao TOPY chamado “Topi”.

Em 2008, alguns membros da TOPY evoluíram para a Rede de Indivíduos Autônomos (AIN – Autonomous Individuals Network). Outros continuam a trabalhar como criadores e praticantes autônomos individuais no reino da magia do caos. AIN foi construída sobre os fundamentos da rede TOPY e “toda a história e conhecimento que a comunidade reuniu desde a sua criação na década de 1980”.[8]

Em dezembro de 2010, Genesis P-Orridge ativou a One True Topi Tribe[9] , uma reativação das celulas originais da Temple Ov Psychick Youth, desta vez com foco na criação de uma comunidade intencional de artistas.

. . . Thee Temple ov Psychick Youth . . .

Este artigo foi publicado a partir do site Wikipedia. O artigo original pode ser um pouco reduzido ou modificado. Alguns links podem ter sido modificados. O texto está licenciado sob “Creative Commons – Atribuição – Compartilhamento” [1] e parte do texto também pode ser licenciado sob os termos da “GNU Free Documentation License” [2]. Termos adicionais podem ser aplicados aos arquivos de mídia. Ao usar este site, você concorda com nossas páginas jurídicas. Links da Web: [1] [2]

. . . Thee Temple ov Psychick Youth . . .

Back To Top